A nossa ginasta mais nova!

SONY DSC
Clicar na foto para ver a reportagem completa.

Decorreu, ontem, na escola sede do Agrupamento de Escolas n.º 2 de Abrantes, o Sarau Gímnico que marca o fim do ano lectivo 2015-2016.

Aqui fica a reportagem fotográfica, aberta pela nossa ginasta mais nova, a Beatriz.

Numa nota final, os parabéns de toda a família pela excelente iniciativa.

P. S. Terei o maior prazer em fazer chegar as fotos sem a marca de água a quem o solicitar, desde que tenha interesse directo na reportagem e, no caso de divulgação pública da mesma, faça referência à sua autoria.

180 Creative Camp em Abrantes

image001

O 180 Creative Camp está de regresso a Abrantes e traz o mundo fantástico das histórias como tema.

180 Creative Camp é um conceito original do Canal180 que pretende levar a Abrantes alguns dos mais inovadores criadores internacionais das áreas do vídeo, música, fotografia, design, cinema, arquitetura, instalação e artes plásticas.

“The Power of Storytelling” é o tema da nova edição do 180 Creative Camp, que decorrerá de 13 a 20 de Julho de 2014.

Contar histórias, transmitir mensagens e comunicar globalmente. São 3 elementos chave da 3ª edição do 180 Creative Camp.

O 180 Creative camp desafia-se a fazer história em Abrantes ao mesmo tempo que conta a história da invasão criativa de criadores de diferentes nacionalidade e áreas artísticas.

Depois de em 2011 apresentar o tema “Think Big”, o 180 Creative Camp volta à cidade do Vale do Tejo para continuar a promover e potenciar colaborações criativas nas artes média.

São oito dias de criação vídeo, intervenção urbana, masterclasses, workshops, concertos e talks com talentos que estão a desafiar a cultura contemporânea.

O evento vai andar por vários espaços de Abrantes, incluindo a Biblioteca Municipal António Botto onde, por exemplo e entre outras iniciativas que aqui vão acontecer, o músico Noiserv fará um showcase no dia 18, pelas 22h00.

Toda a informação em http://creativecamp.canal180.pt/

Prémio merecido…


Clique aqui para ver o slideshow completo.

Neste ano letivo, a minha escola (Escola Secundária Dr. Solano de Abreu) decidiu premiar, no fim do ano,  a melhor turma de 7º ano. A minha turma, 7º B, foi a vencedora deste “concurso” e por isso fomos os sortudos que recebemos o tão aguardado prémio: uma tarde no kartódromo de Abrantes. Foi uma tarde, ou melhor, um fim de tarde e tanto! Talvez uma das melhores experiências que já vivi… Espero que gostem das fotos que o meu pai me tirou enquanto lá estive…

Mário Zambujal em Abrantes

Mário Zambujal é o convidado do “Entre nós e as palavras…” deste mês.

O autor vem à biblioteca municipal na próxima quinta-feira, dia 14 de Abril, às 21h30. A não perder!

É um dos mais conhecidos autores nacionais. Mário Zambujal vai estar “entre nós e as palavras…” no dia 14 deste mês, quinta-feira, numa sessão que terá lugar às 21h30.

Mário Zambujal nasceu em Moura em 1936. Trabalhou no semanário Os Ridículos e foi jornalista de A Bola e de O Jornal. Ocupou os cargos de chefe de redacção de O Século e do Diário de Notícias; de director-adjunto do Record; director do Mundo Desportivo, Tal & Qual e Sete. É autor de textos para rádio, televisão e teatro e de vários livros entre os quais a “Crónica dos Bons Malandros”, em 1980, (que teve grande sucesso e deu origem a uma longa-metragem de Fernando Lopes); “Histórias do Fim da Rua”, em 1983; “À Noite Logo se Vê”, em 1986; “Fora de mão”, em 2003; “Primeiro as Senhoras”, em 2006; “Já Não Se Escrevem Cartas de Amor”, em 2008; ou “Uma noite não são dias”, em 2009.

Zambujal vem agora à Biblioteca Municipal António Botto falar da sua mais recente obra “A dama de Espadas – Crónica dos Loucos Amantes “, edição Clube de Autor. Com o seu admirável ritmo narrativo e clareza de escrita salpicada de humor, Mário Zambujal apresenta-nos Eva Teresa, garota de onze anos, e Filipe, rapaz de dezoito, que namora com a irmã, Rosália. Há uma grande empatia entre a pequena e o futuro cunhado, mas a vida afasta-os com a viagem da família para o Brasil. Eva torna-se mulher e Filipe acaba por se apaixonar por ela, levando-o a viajar ao seu encontro. Entre episódios imprevisíveis que enlaçam mistério e comicidade, ambos só se reencontram em Sintra onde iniciam um romance atribulado. No seu estilo inconfundível, Mário Zambujal traz-nos uma obra em que se aliam a vontade de saborear cada passo da trama e o prazer da leitura.

No final acontecerá uma sessão de autógrafos para quem estiver interessado.

Informação CMA

Site no WordPress.com.

EM CIMA ↑